Gaivota

Notícias

Voltar

MARATONA INTERNACIONAL

A maratona é a prova de corrida mais famosa do mundo. As cinco principais maratonas do mundo: Boston, Nova York, Chicago, Berlim, Londres e Tóquio formam o circuito World Marathon Majors (WMN), que premia seus vencedores com 1 milhão de dólares em prêmios. Nelas estão a grande Mídia e os fanáticos espectadores que não perdem a oportunidade de acompanhar os corredores de elite mais bem preparados do planeta, pois completar essa distância exige muita dedicação.

Mas, antes de comentarmos sobre as 6+, vamos aprender um pouco sobre a história da maratona, como ela surgiu?

Segundo versão do comitê olímpico esta origem, provem de uma lenda grega, dramática e trágica. Em 490 a.C., atenienses e persas estavam prontos para travar uma guerra, chamada de Primeira Guerra Médica. O clima estava tenso, pois os persas juraram, caso vencessem esse confronto invadiriam Atenas, violariam as mulheres e matariam os seus filhos. Já os atenienses, temendo por isso, pois se encontravam em menor número, combinaram que se em 24h não tivessem notícias da batalha, as mulheres matariam os seus próprios rebentos e cometeriam suicídio.

Para a felicidade dos guerreiros atenienses, o confronto foi vencido, porém, restava avisar às mulheres de Atenas que isso ocorreu. O comandante Milciades escalou um dos bons corredores entre aqueles do seu exército, Pheidippides (ou Fidipedes). Ele correu por 40km, atravessando todo o Vale de Maratona até Atenas, para impedir que o pior acontecesse. Desgastado e sem fôlego, ao chegar à cidade conseguiu apenas dizer “vencemos”, caindo morto em seguida.

A versão considerada a verdadeira foi contada pelo historiador Heródoto, nascido em 484 a.C., 6 anos antes da batalha de Maratona. Pheidippides, ao correr cerca de 233 Km até Esparta, em dois dias, pediu ajuda para derrotar os persas. Nessa época ocorria o festival de Artemis, e só ajudariam Atenas após o evento. Com a negativa dos conterrâneos, Pheidippides retornou, percorrendo os mesmos 233 km. Os comandantes optaram por uma estratégia diferente. Um ataque surpresa foi organizado.

O acampamento dos persas encontrava-se a 40 km de onde estavam. A preparação física dos atenienses foi decisiva, pois mesmo depois de percorrerem essa distância correndo, o seu exército foi bem sucedido na batalha, mesmo em minoria. Quando os 2 mil soldados espartanos chegaram, tudo já havia se resolvido. Nos primeiros Jogos Olímpicos da era moderna, em 1896, na própria Atenas (Grécia), Pheidippides foi homenageado com a criação da maratona, com os mesmos 40km.

Curiosamente, por um capricho da realeza inglesa, a distância original da modalidade não foi mantida. Em 1908, na Olimpíada sediada na Inglaterra, a organização do evento aumentou em 2.195 metros o percurso para que a família Real, sem sair do Palácio de Windsor, assistisse à largada da prova.

AS 6 MAIORES MARATONAS DO MUNDO
(Word Marathon Majors)

A World Marathon Majors é uma competição em formato de campeonato para maratonistas iniciada em 2006.

Ela é composta de seis maratonas anuais realizadas em Chicago, Londres, Boston, Nova York, Berlim e Tóquio (desde 2013); uma prova bienal, a maratona do Campeonato Mundial de Atletismo e uma quadrienal, a maratona dos Jogos Olímpicos. Cada série WMM se estende por dois anos civis, o segundo ano de uma série se sobrepondo com o primeiro ano da próxima.

Os atletas que competem nestas maratonas recebem pontos por terminarem em qualquer um dos cinco primeiros lugares (1º– 25; 2º– 15; 3º– 10; 4º – 5; 5º – 1). As quatro melhores pontuações no período de dois anos são contadas; se um atleta conseguir pontuar em mais de quatro maratonas, apenas as quatro melhores colocações serão pontuadas. Para estar qualificado ao prêmio final, um atleta precisa competir no mínimo em um das corridas em cada ano-calendário da série.

Estas 6 maratonas fazem parte do imaginário de todo corredor maratonista, é unânime o desejo de consumo de quem gosta de correr, carimbar uma delas em seu currículo é o objetivo da grande maioria dos corredores.

provas

Figuras: Retirada do site GLOBOESPORTE.COM, 2012 e Revista Runner’s World 2013

TÓQUIO

A mais nova majors é a Maratona de Tóquio é uma corrida de 42,195 km de distância, disputada anualmente em fevereiro nas ruas de Tóquio, capital do Japão. A partir de 2013 ela começou a integrar o grupo de maratonas daWorld Marathon Majors.

Existente desde 2007, ela é uma prova mista, para ambos os sexos, que deriva da antiga Maratona de Tóquio, nome que englobava duas outras maratonas realizadas na cidade, a Maratona Internacional de Tóquio, uma prova apenas masculina disputada desde 1980 e a Tokyo-New York Friendship International Marathon, disputada desde 1981. Neste ano, as duas foram disputadas com um mês de diferença no mesmo local. Com a impossibilidade da cidade de lidar com duas maratonas no mesmo ano, a partir de 1982 elas passaram a ser disputadas em anos alternados, sendo as duas conhecidas popularmente como Maratona de Tóquio. Também neste período, entre 1979 e 2008 a cidade abrigava uma maratona apenas feminina, a Maratona Internacional Feminina de Tóquio.

Isto tudo se dava pelo costume japonês de não misturar homens e mulheres numa mesma prova atlética. Quando em 2007 os japoneses decidiram juntar todos os corredores independente de sexo numa mesma prova, que resultou na atual maratona, as duas anteriores foram extintas. A antiga Maratona Feminina de Tóquio passou a ser disputada em outra cidade, Yokohama, como Maratona Feminina de Yokohama, uma das três usadas como seletiva japonesa para Campeonatos Mundiais e Jogos Olímpicos, junto com a Maratona de Nagoia, existente desde 1980 e a Maratona Internacional Feminina de Osaka, desde 1982, todas exclusivamente para mulheres, já que no Japão é costume de forte tradição provas atléticas apenas para mulheres.

O novo formato, com a prova aberta para ambos os sexos, fez com que em 2013 o número total de inscritos fosse de 303.450 pessoas.

BOSTON

Além de ser a segunda Maratona mais antiga do mundo (1897), só perde para a maratona olímpica de 1896, existem algumas histórias inusitadas no surgimento desta prova. Ela surgiu quando um grupo de corredores saiu pelas ruas das cidades vizinhas de Boston até chegar à capital de Massachusetts, correndo cerca de 45 km em 2h55min10. A distância oficial de hoje foi oficializada em 1908. O dia 19 marca a data em que os moradores de Massachusetts comemoram o início da Revolução Americana, por isso sua primeira edição foi nesta data, mas em 1969 o feriado passou a ser comemorado sempre na terceira segunda-feira do mês de abril, ocasionando a mudança também da prova.

Além de ser a maratona mais antiga a ser disputada foi nela que uma mulher participou pela primeira vez da competição. Em 1966 as mulheres eram proibidas de correr com a alegação, por parte dos organizadores, que elas não tinham condição física para competir. A americana Roberta Gibb naquele ano fez sua inscrição com o nome de “Bob Gibb” e correu disfarçada de homem, revelando sua identidade verdadeira no final da prova e provando que as mulheres poderiam, sim, correr uma maratona. Mesmo com a permissão para participar da prova as mulheres só foram oficialmente reconhecidas em 1972, sendo Nina Kuscsik reconhecida como a primeira campeã da prova.

NOVA YORK

A Maratona de New York teve em sua primeira edição 127 competidores, atualmente leva para as ruas da cidade mais famosa do mundo mais de 40 mil corredores. A corrida é realizada anualmente no primeiro domingo do mês de novembro. Os competidores largam da ponte que liga Staten Island ao distrito do Brooklyn. Hoje a prova é tão concorrida que existe um sorteio para a sua participação, o atleta tem que ser selecionado para participar da maratona. Marílson Gomes dos Santos foi o único atleta brasileiro a vencer a Maratona de Nova Iorque, em 2006 e 2008. O maior número de vitórias é dos americanos.

BERLIM

A Maratona de Berlim é uma prova muito rápida e uma das mais importantes do mundo. A competição apresenta um alto nível atlético, o percurso é plano, sem grandes elevações e as condições climáticas são adequadas para o bom desempenho dos atletas durante a prova. Ela Surgiu ainda na guerra fria, em tempos nebulosos com a divisão entre Alemanha ocidental e oriental, a Alemanha vivia sob a tensão de um possível confronto entre os dois lados. Em 1974 nascia nos arredores do estádio do clube de futebol SC Charlottenburg Belin, com a participação de 286 atletas, a corrida que posteriormente se tornaria uma das maratonas mais desejadas do mundo. O ponto de largada e chegada da prova é o Portão de Brandemburgo, símbolo da unificação do país após a queda do Muro de Berlim. A prova teve seu recorde quebrado por seis vezes, sendo o último em 2001 pelo queniano Patrick Makou, com o tempo de 2h03m38s.

Até hoje, Ronaldo Costa foi o único brasileiro a vencer a Maratona de Berlim, em 1998. Ele, inclusive, naquele momento estabeleu o novo recorde para a prova masculina: 2h06m05s. Os quenianos foram os que mais venceram a prova.

CHICAGO

A Maratona de Chicago é conhecida por ser uma prova muito rápida e por ter um percurso muito plano, já tendo sido cenário de quatro recordes mundiais. Os competidores largam do Grant Park, na Columbus Drive. Os atletas passam por bairros históricos, como Greektown, Little Italy, Pilsen e Chinatown, e retornam para o Grant Park, onde acontece a chegada, perto da Buckingham Fountain. A primeira Maratona de Chicago ocorreu em 25 de setembro de 1977, mas sua origem se deu quando alguns executivos junto com médicos, professores de educação física e diretores da YMCA se reuniram em novembro do ano anterior para planejar uma corrida de rua na cidade num percurso de dez milhas. A prova, que aconteceu em maio de 1977 foi um sucesso e, em setembro do mesmo ano, nasceu à maratona da cidade.

Os atletas brasileiros gostam muito de participar da Maratona de Chicago. Três brasileiros já venceram a Maratona de Chicago: Josenildo Rocha, em 1991; José César de Souza, em 1992; e Luiz Antonio dos Santos, em 1993 e 1994.

LONDRES

Em 1979 o britânico Chris Brasher estava em Nova York e se encantou com a maratona disputada na cidade. Naquele momento surgiu nele o desejo de levar para os ingleses a mesma sensação que sentira na América. Com o projeto no papel e um patrocinador Brasher conseguiu em 21 de março de 1981 realizar a primeira Maratona de Londres, com a participação de oito mil pessoas.

A prova tem um dos percursos mais rápidos do mundo, já tendo sido responsável por alguns recordes mundiais obtidos ali. A Maratona de Londres também é conhecida como o maior evento esportivo em arrecadação de fundos para caridade existente no mundo, levantando mais de 300 milhões de libras em donativos ao longo de sua realização.

A maratona é empolgante e motivante não acham? E aí, vamos encarar esse desafio?

Referências

Disponível em>http://pt.wikipedia.org/wiki/Maratona#Maratona_feminina

Disponível em>http://esportes.discoverybrasil.uol.com.br/como-surgiu-a-maratona-e-como-ela-e-usada-nas-olimpiadas/

Disponível em>http://globoesporte.globo.com/eu-atleta/noticia/2012/04/5-principais-maratonas-do-mundo.html

Disponível em>http://esporte.esp.br/maiores-maratonas-do-mundo/

Disponível em> http://runnersworld.abril.com.br/noticias/toquio-serie-maiores-maratonas-mundo-331098_p.shtml

Facebook Twitter